sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Características da Burocracia Segundo Weber


Para Max Weber a burocracia é a organização eficiente por excelência e, para conseguir eficiência, este modelo explica nos mínimos detalhes como as coisas deverão ser feitas.
1- Caráter legal das normas e regulamentos:
Normas e regulamentos são estabelecidos por escrito, definindo como a organização irá funcionar.
2- Caráter formal das Comunicações:
As regras e ações administrativas são registradas formalmente por escrito. Todas as ações e procedimentos são feitos para facilitar as comunicações e rotinizar o preenchimento de sua formalização.
3- Caráter racional e divisão do trabalho:
Divisão sistemática e racional do trabalho. Cada participante tem um cargo específico com funções específicas. Cada um deve saber com clareza qual a sua tarefa, sua posição hierárquica, seus direitos e poderes.
4- Impessoalidade nas relações:
As atividades são distribuídas impessoalmente, considerando os cargos e funções. As pessoas vêm e vão e os cargos continuam os mesmos.
5- Hierarquia da Autoridade:
Cada cargo inferior deve estar sob controle e supervisão de um posto superior. Todos os cargos estão dispostos em estrutura hierárquica com privilégios e obrigações devidamente definidos por regras.
6- Rotinas e Procedimentos padronizados:
A burocracia fixa regras e normas técnicas que regulam os ocupantes de cada cargo, cujas atividades são executadas de acordo com rotinas e procedimentos.
7- Competência Técnica e Meritocracia:
A burocracia utiliza critérios universais onde a escolha das pessoas se dá de acordo com o mérito e a competência técnica e não por preferências pessoais.
8- Especialização da Administração:
O dirigente da organização não é necessariamente o dono do negócio ou grande acionista da empresa, mas um profissional especializado na sua administração.
9- Profissionalização dos participantes:
Na estrutura burocrática cada participante é um profissional pois atende às seguintes características:
- É um especialista na tarefa que executa;
- É assalariado;
- É ocupante de um cargo;
- É nomeado pelo superior hierárquico;
- Seu mandato é por tempo indeterminado;
- Segue carreira dentro da organização;
- Não possui a propriedade dos meios de produção e administração;
- É fiel ao cargo e identifica-se com os objetivos da empresa.
10- Completa Previsibilidade do Funcionamento:
A conseqüência da burocracia seria, segundo Weber, a previsibilidade do comportamento de seus membros. Tudo na burocracia é estabelecido para prever antecipadamente todas as ocorrências e rotinizar sua execução para que a máxima eficiência do sistema seja alcançada.
Fonte: CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à Teoria Geral da Administração.

Um comentário:

Marcela disse...

Ao observar o que é proposto pela teoria da burocracia de Weber podemos perceber o quanto o termo "burocrático" vem sendo empregado de maneira errada.